Posicionamento en cima da moto

06/12/2016


Para que se faça uma boa pilotagem sem degradar suas forças rápido demais, deve-se seguir algumas recomendações. Vamos começar a falar pelo posicionamento adequado na motocicleta, para que possa evitar quedas e melhorar sua performance dentro das trilhas de baixa e alta velocidade. Usufrua de um bom equilíbrio sobre a moto, ele pode até mesmo te livrar de uma situação difícil, ficando de pé e distribuindo com controle seu peso corporal sobre a moto, assim ela ficará mais estável.

Se você pretende pilotar em cross-country, trilhas ou enduro, saiba que a posição mais confortável e que te deixa dentro de uma zona confiável de reação é em pé, com joelhos flexionados levemente e pés firmes nas piseiras, mantenha seu corpo levemente inclinado para frente e mantenha os cotovelos dobrados, perto de 90° para cima.

Evite frear ou acelerar de forma brusca, nunca deixe a embreagem apertada, use-a apenas para arrancar e caso ainda não domine a trocde marcha no tempo, use-a.

Sempre apóie seu peso nas pernas nunca nos braços. Quando estiver em uma subida ou em uma descida, mantenha seu corpo sempre na mesma posição de equilíbrio de quando se está no plano. Seu tronco e sua cintura deverão permanecer o mais ereto possível, a única parte do seu corpo que deverá ser inclinada é o tronco.

Sempre ao curvar para a esquerda por exemplo, incline o braço direito o máximo para cima em ângulo reto e force com o pé a piseira do lado direito (oposto da curva), sente-se na quina do banco, assim você terá maior controle na curva e dará maior estabilidade na moto.

A perna esticada para dentro da curva não é regra. Faça isso apenas quando sentir que precisa equilibrar o centro gravitacional da moto (que é o eixo do seu corpo com a quina do banco da moto).

Os dedos indicadores devem permanecer sobre os manetes para que as reações sejam muito mais rápidas, dessa forma você evita “alicatar” o freio ao se assustar, ou deixar a moto morrer porque não apertou a embreagem a tempo.

O freio dianteiro deve ser usado progressivamente para evitar trancos, o traseiro de maneira leve, para ajudar na desaceleração.

Quando pilotar no meio do barro mantenha uma velocidade reduzida, mas o giro do motor bem alto, para que seu pneu se mantenha limpo e não fique preso nas canaletas. Em terrenos de areia mantenha a roda da frente leve, inclinando seu corpo um pouco para trás, o que dará mais tração para sua moto.

Em terrenos de pedras aumente o peso na roda dianteira, para evitar que ela saia. Mas se for uma descida se posicione mais atrás do banco e freie com a roda traseira, desta maneira você evitará que a roda dianteira trave e te jogue no chão.

Quando estiver em alta velocidade e se deparar com salto inesperados, se posicione corretamente na moto e quando chegar no obstáculo faça um pouco de força puxando o guidão para cima, evitando que a frente caia. Nos saltos a forma correta de cair é com a roda traseira ou com as duas juntas.

Dicas de Diego Cachorrão, para você que começa agora